Depois de tanta dor, sofrimento e luto, enfim parece que uma luz no fim do túnel apareceu. Hoje, em todo o mundo, mais de 2 bilhões de pessoas já tomaram pelo menos a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

Não que a pandemia esteja resolvida, longe disso. Infelizmente ainda tem muito o que se fazer para controlar essa doença, ainda mais em países como o Brasil, que, tanto grande parte da população, quanto os governantes, não encaram o coronavírus como deveria.

Mas, diante do que se imaginava, a vacina chegou como um alento. O mundo agora olha pra frente com esperança.

Praça aberta à Visitação na Espanha para viagem à Europa
Praça na Espanha

Vários países do mundo já começaram a voltar à vida normal. E um setor em especial, que certamente foi um dos que mais sofreu com essa pandemia, está voltando. Esse setor da economia é o do turismo.

Segundo um estudo realizado pelo WTTC, Conselho Mundial de Viagens e Turismo em português, só em 2020 o turismo no mundo deixou de arrecadar quase US$ 4,5 trilhões, o que é quase 50% menor em relação a 2019.

A Espanha foi um dos países mais afetados pela pandemia na Europa, registrando mais de 80 mil mortes por coronavírus e quase 4 milhões de casos.

Leitura recomendada: Vacina para viajar: Como é hoje? Dossiê completo

Espanha reabre fronteiras para turistas vacinados

No dia 7 de junho de 2021 a Espanha enfim reabriu suas fronteiras para praticamente todos os países do mundo que já começaram a vacinação contra a Covid-19.

O governo espanhol anunciou que os viajantes que já se vacinaram poderão entrar no país sem precisar apresentar seus exames. A exigência é de que as vacinas sejam aprovadas pela União Europeia.

Essa medida tem como objetivo principal impulsionar a recuperação do setor mais afetado pela pandemia, o turismo. Porém, para os turistas brasileiros, as restrições ainda continuam.

A Espanha, antes da pandemia, era o segundo país mais visitado no mundo. Só em 2020, o turismo caiu mais de 80%, afetando fortemente a economia local. Porém, agora, com a vacinação contra a Covid-19, a entrada de turistas vacinados começa a acontecer.

Apesar de reabrir as fronteiras só agora, desde 24 de maio a Espanha permite a entrada de turistas. Mas são apenas 10 países fora da União Europeia que estão na lista de permissão e que já eram considerados de risco baixo para a contaminação da Covid-19.

Praça maior na Espanha.
Praça Maior na Espanha

Essa reabertura das fronteiras se dá em um momento crucial para a economia mundial. Muitos países que dependem do turismo já não viam mais a hora de poder receber os turistas.

Países que cumpriram as recomendações da Organização Mundial da Saúde, fazendo isolamentos sociais rigorosos, incentivando o uso de máscara da população, fazendo o lockdown quando preciso e comprando as vacinas, estão conseguindo voltar com suas vidas ao normal.

Com a vacinação em massa, as taxas de infecção caíram e as vacinações estão crescendo rapidamente, permitindo que a maioria de suas regiões cancele o toque de recolher e permita a entrada de turistas.

Quais são as regras que permitem o turista viajar para Espanha?

Antes da pandemia, aqueles que queriam visitar a Espanha já tinham a necessidade de cumprir alguns requisitos. Como turista, ainda é necessário ter o passaporte dentro da validade, lugar definido onde irá se hospedar, valores determinados para passar o período e a passagem de volta.

Esses são requisitos simples, que em qualquer país do mundo é exigido. Mas é muito importante ficar atento, pois por ser algo tão simples, muitos acabam de certa forma relaxando.

Existem diversos casos que, por falta de atenção, turistas são barrados de entrar na Espanha e precisam voltar ao país de origem. Por isso, fique atento em cada documento necessário, pois se faltar algo, você certamente voltará e estragará a sua tão sonhada viagem para Europa.

Grande avenida na Espanha

Todos esses detalhes você já deve estar cansado de saber. Quem já viajava antes da Covid-19 conhece bem o que é preciso para visitar os países da União Europeia. Por isso, o foco agora é entender o que é necessário para entrar na Espanha com essa pandemia.

Como já dito mais acima, a partir do dia 7 de junho de 2021 ficou permitida a entrada de turistas na Espanha. Mas desde que o mesmo tenha tomado todas as doses necessárias da vacina contra a Covid-19. As vacinas precisam ser reconhecidas pela União Europeia e pela Organização Mundial da Saúde.

Ou seja, precisam ser Pfizer, Moderna, AstraZeneca, Janssen, Sinopharm ou Sinovac-Coronavac. Os órgãos competentes da União Europeia estão continuamente avaliando outras vacinas para incluí-las ou não na lista. É importante sempre se atualizar quanto ao tema.

Porém, nem todo mundo que tomou as duas doses de alguma dessas vacinas conseguirá entrar na Espanha. Se você for brasileiro, indiano ou sul-africano e mora no seu país de origem, você ainda está proibido de entrar em território espanhol.

Quais países estão permitindo a viajem de brasileiros para a Europa?

Infelizmente a vida não está fácil para quem é brasileiro. Além da vacinação caminhar a passos curtos, muitas outras decisões equivocadas do governo fazem com que fique cada vez mais difícil ter relações com outros países.

Hoje, com a pandemia da Covid-19 se estabilizando nos grandes países do mundo, o turismo começa a se reerguer. Porém, a pandemia em si ainda está longe de terminar por completo. Por isso, a abertura das fronteiras dos países podem sofrer mudanças repentinas, fazendo com que muitas informações fiquem desatualizadas de uma hora para outra.

Saiba mais: Voos para Portugal são retomados: Entenda as regras

Para você que é brasileiro, muitos países ainda estão fechados. No caso da Espanha, nem mesmo com as duas doses da vacina contra a Covid-19 é suficiente ainda. Já os países que permitem a entrada de brasileiros, exigem uma série de obrigatoriedades, como testes de Covid, quarentena e até a vacinação.

Passageiros passam por medição de temperatura em aeroporto para Viagem para Europa.
Aferição de Temperatura em Aeroporto

Atualmente, apenas o México, Costa Rica, República Dominicana, Maldivas e Albânia estão aceitando turistas brasileiros sem restrições. Existem quase 90 países que também estão abertos para receber brasileiros, mas com restrições.

Já os outros quase 130 países estão com as fronteiras fechadas. Apenas cidadãos, residentes voltando para casa ou pessoas em outras circunstâncias especiais podem entrar no país.

Quais países não estão permitindo a entrada de brasileiros?

Como já dito acima, as informações de fronteiras mudam a todo momento. Uma hora um país aceita receber turistas de determinados lugares, outra hora não. Isso vai depender muito de como a pandemia está no país de origem do turista e até do destino dele na viagem.

Turistas visitam Arco do Triunfo em Barcelona em Viagem para Europa.
Arco do Triunfo, Barcelona

A maioria dos países do mundo não estão aceitando turistas brasileiros. Isso se deve por diversos motivos, que vão desde às variantes incontroláveis que aqui se desenvolvem até à demora na vacinação de toda a população.

Cuidados para viajar na pandemia

Por ser um momento totalmente atípico e instável, viajar durante a pandemia se tornou um verdadeiro desafio. É preciso tomar uma série de cuidados antes de tirar a viagem para Europa do papel.

O primeiro passo, antes mesmo de comprar as passagens, é verificar quais são os países que estão recebendo turistas brasileiros.

E uma dica ainda melhor é segurar um pouco essa vontade de pegar as malas e sair por aí e aguardar mais um pouco, pois pelo que tudo indica, muito em breve os brasileiros voltarão a ser aceitos em diversos países. Isso porque, apesar da lentidão na vacinação, ela está acontecendo e, cedo ou tarde, você também será vacinado.

Homem de máscara aguardando voo em aeroporto para Viagem para Espanha.
Passageiro aguardando embarque

A dica mais importante é justamente aguardar mais um pouco para não correr tantos riscos durante a sua viagem. Mas se por algum motivo você não pode esperar, tomar alguns cuidados como: conferir as exigências do país que irá visitar é fundamental.

Mas saiba que o risco de voos atrasados, overbooking e até mesmo voos cancelados são cada vez maiores durante a pandemia. Isso se dá pela instabilidade que essa doença proporciona aos países. As fronteiras podem ser fechadas no meio da sua viagem para Europa e você ficar impossibilitado de voltar para casa.

Esse é um risco real para quem está viajando durante a pandemia. Existem casos em que passageiros perdem o voo justamente por isso, pois precisam fazer conexão e o país em questão está com barreiras sanitárias para diminuir o avanço da Covid-19.

Leia também: Tudo sobre Viajar na Pandemia | O Guia

Por isso, se possível, evite viajar por agora e aguarde as coisas se estabilizarem mais. Já já o mundo voltará à normalidade e você poderá sair por aí sem muitas preocupações.

Mas, se for necessário e você encontrar algum problema com seu voo, o perdimeuvoo.com pode te ajudar a ir atrás dos seus direitos.