Prova de vida: tudo que precisa saber em 2021

Como todo aposentado e pensionista já sabe, todo ano é necessário fazer a prova de vida junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Entretanto, devido à pandemia, os atendimentos aos segurados foram suspensos em março de 2020.

Nesse período, os benefícios pagos aos beneficiários não foram bloqueados pela falta da prova de vida, já que era necessário a pausa para conter o avanço da Covid-19 em todo o país. A princípio, tudo voltaria ao normal nos primeiros meses do corrente ano de 2021.

Porém, como a pandemia ainda permaneceu muito forte, o INSS adiou a volta da prova de vida. A Portaria nº 1.278, de 24 de fevereiro de 2021, prorrogou até o fim de abril a ausência da prova de vida.

Assim, é normal que muitos segurados fiquem confusos e sem saber quando terão que voltar a realizar a prova de vida. Para não ficarmos completamente no escuro, a Caixa Econômica Federal já deu um spoiler de quando essa rotina anual voltará. Continue lendo este artigo para saber quando será sua data de realizar o procedimento.

O que é prova de vida?

O que é prova de vida?

Se você for novo no setor de aposentados e pensionistas pode ser que ainda não saiba o que é a prova de vida. Pois bem, esse procedimento foi criado em 2012 como uma maneira de evitar fraudes no pagamento de benefícios concedidos pelo INSS. Ou seja, visa trazer mais segurança aos contribuintes e ao estado brasileiro.

A prova de vida deve ser feita a cada 12 meses e nada mais é do que um processo para mostrar ao Instituto que o beneficiário está vivo. A prova de vida é necessária para todos que recebem seus pagamentos do benefício pela conta corrente, poupança ou pelo cartão magnético.

Caso o contribuinte falte no dia de sua prova de vida, o benefício é bloqueado até que a situação seja regularizada.

Quem precisa fazer a prova de vida?

Quem precisa fazer a prova de vida?

Como apresentado anteriormente, a prova de vida é um procedimento obrigatório a todos os beneficiários do INSS.

Mas, e os segurados que não podem ir pessoalmente realizar a prova de vida? O INSS disponibiliza duas formas para isso. Para os beneficiários que, por motivo de doença ou dificuldade de locomoção não consigam comparecer ao local do procedimento, é possível que um procurador cadastrado no INSS realize a comprovação.

Outra forma de facilitar o acesso para os idosos com mais de 80 anos e também para beneficiários com dificuldade de locomoção é a possibilidade de agendar uma visita domiciliar pelo telefone do INSS, o 135.

Por que fazer a prova de vida?

Por que fazer a prova de vida?

O procedimento é necessário e obrigatório, por isso é preciso fazer a prova de vida. Antes do INSS adotar essa estratégia, era comum, após o falecimento do beneficiário, os herdeiros ou outras pessoas próximas se apossarem do pagamento que não era de direito dessas pessoas. Então, como uma forma simples de resolver essa fraude, em 2012 o INSS adotou a prova de vida.

Vale reforçar a importância e a necessidade da realização da prova, já que a falta dela gera o bloqueio do benefício. Um problemão!

Como e onde fazer a prova de vida?

Como e onde fazer a prova de vida?

A prova de vida pode ser feita numa agência bancária, até mesmo nos terminais de autoatendimento (caixas eletrônicos) no momento do saque do benefício.

E caso seja necessário um atendimento diferente, como vimos anteriormente, entre em contato pelos canais de atendimento do INSS. O telefone é o 135.

Datas para fazer a prova de vida.

Datas para fazer a prova de vida.
Confira o calenário abaixo.

É importante estar atento às datas para não perder a sua vez de realizar a prova de vida. Então, fique ligado nas datas disponibilizadas pela Caixa:

Prova de Vida realizada: Mês para realização da Prova de Vida:
até Abril/2019 até Abril/2021
Maio e Junho/2019 até Maio/2021
Julho e Agosto/2019 até Junho/2021
Setembro e Outubro/2019 até Julho/2021
Novembro e Dezembro/2019 até Agosto/2021
Janeiro e Fevereiro/2020 até Setembro/2021
Março e Abril/2020 até Outubro/2021

Fonte: Caixa Econômica Federal

Conclusão

Fique atento às prováveis mudanças, já que é possível que as datas sofram alteração, caso haja evolução da pandemia. Então, antes de se expor, confira as datas, pelo “Meu INSS” para saber se está no seu momento de realizar a prova de vida de 2021.

Além disso, a autarquia está com um projeto de prova de vida por biometria facial. Assim, alguns segurados irão receber uma comunicação via SMS. Mas antes de qualquer confirmação, é importante que o beneficiário acesse o Meu INSS para checar se está disponível o procedimento ou se não se trata de uma fraude.